terça-feira, 7 de março de 2017

Segredo.07.10


22 comentários:

  1. Lamento imenso :( a minha desapareceu há quase uma semana. Já nos fartámos de procurar e não a encontramos em lado nenhum. muito triste

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O meu gato fugiu após uma pequena cirurgia à pata, com o funil veterinário no pescoço. Chorei imenso, passei noites sem dormir, andava desesperada a divulgar por todo o lado, procurava-o todos os dias nas redondezas... 6 semanas depois, estando eu no meu luto, ao ir para casa do trabalho olho para o pátio de uma casa da minha rua e lá estava ele, a beber agua. Penso que se me saísse o euro milhões a minha felicidade não seria tão grande como naquele momento! E após seis semanas o malandro perdeu apenas 600 gramas e a pata estava completamente curada. Por isso não perca a esperança, procure todos os dias, principalmente à noite que é quando eles se sentem mais confortáveis com o silencio da rua ou de manhã cedo quando eles procuram o sol para se aquecer. Tente ter sempre um pequeno saco de comida e água consigo pois se a encontrar ela pode estar desorientada e não a reconhecer/fugir e assim tem com a atrair.
      Para a autora do segredo, sim, são família, fazem parte de nós. Aposto que já ouviu "mas é só um gato" ou "arranjas outro que isso passa"... Não se envergonhe da sua dor nem deixe que a menosprezem. Ela é real, genuína, é um luto que deve ser respeitado e reconfortado como qualquer outro. Muita força e os meus sentimentos.

      Eliminar
  2. É sempre muito difícil perder um amigo que está sempre disponível em todos os momentos. No matter what.

    ResponderEliminar
  3. alguma coisa está mal quando se dá mais valor a animais de companhia do que ás pessoas que estão ao nosso lado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Onde é que leu que se deu mais valor ao bicho do que às pessoas, neste segredo? O.o

      Eliminar
    2. O meu gato também está ao meu lado há quinze anos. Gosto mais dele do que de qualquer pessoa, incluindo os meus pais.

      Eliminar
    3. Nada está mal, e além disso o autor não diz em lado nenhum que dá mais valor ao animal do que às pessoas que estão ao seu lado, por isso comentário inútil. Pode-se amar tanto um animal como um membro da familia.
      O amor deles é que nunca é a fingir e são sempre fiéis!

      Eliminar
    4. não foi nada disso que ela disse. mentes maldosas

      Eliminar
    5. Onde é que leu isso? O/A autor/a disse que foi COMO perder um membro da família

      Eliminar
    6. Quem falou em dar MAIS valor ou que o/a autor não dá valor às pessoas? Vou dar-lhe uma novidade. Há animais de companhia que SÃO membros da família. Amor incondicional, já ouviu falar?

      Eliminar
    7. Eu dou muito mais valor aos meus cães do que a muitas pessoas com que convivo. No dia que os meus cães morrerem vai ser um grande desgosto para mim e para o meu marido. Eles faz parte da familia.

      Eliminar
    8. Eu acho triste pessoas que não compreendem o amor que os animais nos dão. Os meus também são como família. Ao autor do segredo: muita força.

      Eliminar
    9. Tambem ja passei por isso, hoje nao tenho animais pois nao quero passar pelo mesmo (a dor da perda e terrivel).

      Eliminar
  4. Vivi 19 anos com a minha gatinha. Quando ela faleceu, chorei dias a fio e levei meses a ultrapassar a perda... Ainda hoje me lembro dela com carinho e me entristeço com a sua morte... :/

    ResponderEliminar
  5. Dos sentimentos mais tristes :(

    ResponderEliminar
  6. As minhas sinceras condolências.


    Æ

    ResponderEliminar
  7. Não tenho animais em casa,mas afeicoei-me tanto a três gatitos que andam aqui na rua que não sei como vai ser se eles um dia desaparecerem

    ResponderEliminar
  8. Conheço bem essa dor.
    Já passei por ela duas vezes. E há dias bem difíceis...

    Força***

    ResponderEliminar
  9. Entendo bem demais.Estou a preparar-me para a partida da minha melhor amiga,está em cuidados paliativos há meses pois nada mais do que isso podemos fazer,e choro de cada vez que penso nisso.
    Um abraço apertado*

    ResponderEliminar
  10. Como entendo este segredo.. tenho 2 gatos e é cá uma choradeira quando ficam doentes. Felizmente ainda não perdi nenhum mas nem quero pensar nisso. Para mim, são meus filhos!

    ResponderEliminar