quinta-feira, 13 de julho de 2017

Segredo.13.15


9 comentários:

  1. Nem quero imaginar a dor que deve ter sentido na sua infância. E pensar que aqui em portugal já houve (ou ainda há) famílias "pobres" que deitaram ao lixo alimentos doados pelo Banco Alimentar contra a Fome só porque tinham produtos de marca branca e eles estavam habituados a comer produtos de marca, do bom e do melhor. Não desejo mal a ninguém mas muita gente, que anda ai sempre a chorar por nada, precisava de passar por situações de fome e de verdadeira miséria para que pudessem apreender a dar mais valor à vida que levam.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Francisco,eu aqui em França também vi isso na televisão,R.T.P.eu e o meu marido ficamos chocados de ver produtos no chão,massa arroz e muitas coisas,eu tenho um bom nível de vida e compro marcas brancas se vejo que são boas,quando faço as compras vou ao mais razoável e não ao caro,mas também depende se o produto é bom.
      Há pessoas que não pensam no amanham,é triste,se não queriam davam a alguém,o meu marido disse para mim,vez?é por isso que muita gente não ajuda e não se importa,não da vontade de ajudar esta gente assim,podem andar com os colh**s a bater numa làge mas tem que ter tudo e do bom,mesmo sem poder,isto revolta!!!!!!!
      Eu passo muito tempo a recuperar vestuário meu antigo com pouco uso estado novo e ponho moderno,depois tenho brio quando me dizem que eu tenho isto ou aquilo bonito,tenho a sorte de saber de costura e ter imaginação,de ter uma maquina de bordar extra moderna,transformo tudo,com uns lindos bordados ninguém pensa que muitas vezes tem décadas de existência.
      Por dizer que não gosto de deitar fora,prefiro dar se não me serve,chocou-nos os produtos no chão!!!
      Para o autor,espero que a sua vida tenha mudado,eu nunca passei fome mas tive uma infância muito limitada que me marcou,nos cadeaux de Natal eram uns sapatos,os meus pais aproveitavam a altura das festas para mos comprar,depois tudo mudou com a vinda do meu pai para aqui,mas não esqueci as privações sobretudo ao nível do vestuário,eu era pequenina hoje tenho mais de 70 anos,fiquei com a educação de poupar mesmo que hoje possa viver desafogada.

      Eliminar
    2. Anónimo (16:31),

      E o pior é que esta gente é tão ignorante que nem sabe que a maioria dos produtos de "Marca Branca" não são nada mais do que produtos de marca fabricados com um rótulo/embalagem diferente para permitir às empresas produtoras um rendimento extra e o escoamento da matéria prima que por vezes são obrigados a acumular no armazém. Trabalho no ramo e sei do que falo. É muito fácil de reconhecer esses produtos. Quando vou ao Continente, ao Pingo Doce, ao LIDL ou ao MINIPREÇO consigo logo reconhecer uma série deles através do numero de lote, do flow ou da marca de salubridade. As pessoas ficariam escandalizadas por saber o dinheiro que estão a gastar desnecessariamente. Porquê pagar 1 euro por um produto quando posso tê-lo por metade do preço e a única diferença é a embalagem? Qualquer dia tenho que falar também sobre isso no meu blog.
      É como você disse, falta muita humilde a esta gente. Habituaram-se aos direitos e às mordomias da Democracia, que agora dão tudo por garantido e dão-se ao luxo de a maltratar. Até um dia...

      Eliminar
  2. Este partiu-me o coração...

    ResponderEliminar
  3. Entendo-te muito bem, já passei pelo mesmo...

    ResponderEliminar
  4. Ainda bem que isso mudou! Força! :-)

    ResponderEliminar
  5. Fiquei triste ao ler este segredo. A si, autor, espero que nunca mais nesta vida tenha que passar por essa provação. Ninguém merece passar por uma situação destas...

    ResponderEliminar
  6. Este segredo fez me sentir um enorme peso de consciência e um aperto no coração. Ninguém merece passar por isto. Espero mesmo que a tua vida tenha melhorado.

    ResponderEliminar
  7. Neste pais existem desigualdades muito grandes(encobertas)... é triste uns terem que viver do lixo que outros despreocupadamente deitam fora, por terem muito.

    ResponderEliminar