quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Segredo.12.15


33 comentários:

  1. Comigo passa-se exatamente o mesmo.

    ResponderEliminar
  2. Tens de perceber isso. É normal acontecer essas coisas.
    Ela, não vai namorar contigo ou casar.
    Não te vai abandonar, mas para isso, precisas de lhe dar espaço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este comentário egoísta, faz-me crer ser feito por uma adolescente.Não vai casar com a amiga, mas quando a amizade é sincera partilhamos alegrias e tristezas.Se o namoro correr mal perde a amiga e o namorado.
      E a amizade está para além de namoros e casamentos, ou você acha que num casamento não se podem ter amigas?Pode e deve.

      Eliminar
    2. Anónimo 20:54 concordo plenamente consigo mas sabe que somos ma minoria a pensar assim não sabe? Sabe que muitos "amigos/as" só se vão lembrar novamente de nós quando se separarem e andarem a afogar as mágoas em jantares e saídas à noite como qualquer adolescente!

      Eliminar
    3. Anónimo (20:54), você está totalmente errado(a). Quando a amizade é realmente sincera a "amiga" nunca se perde seja qual for a distância e a circunstância da separação. Se ela se perder...então é porque ela nunca existiu. E o comentário do anónimo (16:10) não teve nada de egoísta. Na verdade foi um comentário até bastante lúcido. Mais egoísta pareceu-me o seu...por achar que só porque é amiga de alguém, esse alguém tem que ficar forçosamente comprometido consigo e não pode quebrar esse elo. É o mesmo que pedir que ela deixe de ser livre em nome da sua amizade...

      Eliminar
  3. Isso é uma coisa que custa muito a engolir.
    Eu sempre fiz um esforço para que as pessoas nao se sintam trocadas, ou um apendice na minha vida, no entanto ao longo dos anos ja me fizeram isso varias vezes.
    Ja tenho 40 anos e continuo a achar que isso é um desrespeito.

    E quando se separa ou divorcio lembram-se que tem (ou tinham amigos) amigos?
    Isso ainda é pior, ao menos que fossem coerentes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho 35 anos, e concordo completamente. Nao entendo as pessoas que arranjam um(a) namorado(a) e deixam de ter outros interesses para além dessa relação, que acreditam que ter uma relação amorosa é incompatível com manter amizades, que passam a viver exclusivamente em função dessa outra pessoa. Mas infelizmente é a maioria, pelo menos entre nós mulheres.
      Nunca o fiz, e até fui a primeira do grupo de amigas a "casar" e ter filhos, mas algumas delas fizeram-no, a mim e umas às outras, o que me levou a pensar que o problema seria meu. Mas não é, agora percebo perfeitamente que é apenas uma questão de feitio. Já não estou magoada com elas, nem com aquelas que eram as minhas 2 amigas mais próximas, mas hoje em dia também já não tenho qualquer interesse em retomar contacto, somos demasiado diferentes, portanto até foi pelo melhor.

      Eliminar
  4. Aconteceu-me algo parecido.Eramos jovens,estudavamos juntas,partilhamos casa.Cheguei muitas vezes a fazer as refeições para eles comerem quando acordavam tarde.Eramos amicíssimas(achava eu).Foi morar com ele e...surprise...nunca me convidou a casa dela e afastou-se totalmente.Sempre ocupada, mesmo quando um familiar meu morreu, nunca mais disse nada.Eu achava que talvez andasse super ocupada com ele, o "frisson" dos tempos iniciais.
    Hoje eu moro com o meu companheiro, fiz outras amigas(os), e nunca me afastei de ninguém por estar apaixonada.Tenho menos tempo sim, mas para um café e um telefonema há SEMPRE tempo.Quando não há o mínimo, não há amizade.Não há namoro que justifique a falta de um telefonema sincero, meia hora para um cafezinho.Esquece essa pessoa, não é tua amiga.Caso fosse acredita q teria 5 min p te ouvir.Sim, falo por experiencia porque já estive no teu lugar e agora q tenho tb um companheiro percebi melhor ainda q o namoro não justifica de todo o afastamento.
    Hoje, tenho um companheiro com quem moro

    ResponderEliminar
  5. Nunca percebi as pessoas para quem a amizade é mais importante que o amor. Acho perfeitamente normal que as amizades esfriem com a formação de um casal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é mais, nem menos...é igual.Ou as amigas só servem até se arranjar namorado /marido?
      Se há um divorcio, uma viuvez, volta-se para as amigas porque ai já servem para amigas de novo?As pessoas não são para serem usadas.A amizade também é amor.

      Eliminar
    2. Para mim amizade também é uma forma de amor e sinceramente que acha o contrário vive num mundo muito pequenino mesmo

      Eliminar
    3. Para mim não é igual. E não uso ninguém, até porque não valorizo muito a amizade e tendo a cultivar amizades de circunstância com colegas.

      Eliminar
    4. Para mim amizade é tambem amor.

      Eliminar
    5. Não valoriza a amizade?Eu além de amar o meu namorado aquilo que mais prezo é sermos tão amigos.
      Ninguém é feliz sozinho...É o mundo que temos, alguém dizer que não valoriza a amizade,deve ser alguém muito só e triste e que já foi muito magoado.

      Eliminar
    6. Parece-me errado querer que todos sejamos iguais e sintamos o mesmo. Ninguém me magoou e sou uma pessoa feliz, em parte porque tive a coragem de me aceitar como sou. Ao longo da minha adolescência era um martírio ter que conviver constantemente com colegas porque supostamente deveria ter amigas, quando queria passar o meu tempo a fazer outras coisas sozinha. Depois disso fui feliz sozinha e agora sou feliz com namorado. Ninguém se pode forçar a sentir o que não sente ☺.

      Eliminar
    7. Entao se nunca teve amigos, no sentido de verdadeira amizade(só teve colegas) nunca vai perceber o quanto magoa alguem que amamos (muita gente sente verdadeiro amor por amigos) passar a ignorar-nos.

      Eliminar
    8. Acredito plenamente que magoe, nunca disse o contrário.

      Eliminar
  6. Eu sei perfeitamente o que sentes.
    No meu caso, fui trocado uma por uma gaja e para além de estragar todo o que tínhamos, ainda estragou uma amizade.
    Até pode ser normal essas coisas, mas a experiência diz-me que vai acabar por dar tudo porcaria, até ao cúmulo de argumentar ciumes. Não sou nenhum caixote ou só servir para limpar porcaria, que basicamente foi o que aconteceu mais que uma vez, com diferentes pessoas e situações.
    Quando me perguntam porque não tenho amigos, eu respondo: com amigos destes, para que precisamos de inimigos?
    Antes só que mal acompanhado.
    @Autora do segredo, se precisares de falar com alguém que sente o mesmo, estarei aqui. Nem que seja só para dizer "gibberish"

    ResponderEliminar
  7. É natural que ela o prefira a ele, não? Por mais que a sua amizade por ela seja grande existem determinadas "necessidades" que você nunca será capaz de preencher...


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O facto de o preferir a ele não implica que deixe de falar e de sair com a amiga.

      Eliminar
    2. Anónimo (15:03), e se ela tiver uma casa para cuidar e apenas dispor de um certo tempo para fazer saídas à noite, como é que ela consegue conciliar saídas com o namorado e saídas com a amiga? Não podem sair todos juntos senão a amiga ia servir de vela. A solução seria a amiga arranjar também ela um namorado para poderem fazer saídas de casais...

      Eliminar
    3. Acha mesmo que a solução é alguém arranjar um namorado apenas para poder sair com a amiga?!

      Há tempo para tudo, uma amiga que não consegue 30 minutos num mês para tomar um café com as amigas, só mostra o pouco interesse que tinha nas amizades. Essa ideia que de que vivemos apenas para arranjar companheiro e procriar é um bocadinho ultrapassada.

      A.

      Eliminar
    4. E ficar o namorado de vez em quando a cuidar da casa com o senhor diz para ela ter um lanche ou um jantar com a amiga?Eta comentário machista.

      Joana

      Eliminar
    5. Anónimo (10:07), arranjar um namorado para poder sair com a amiga não é a solução...é "uma" solução. No entanto concordo consigo, a ser verdade aquilo que diz (porque temos sempre propensão para o exagero) de que a sua amiga não consegue arranjar 30 minutos num mês para poder celebrar a amizade com a amiga, isso parece-me de facto bastante redutor em termos de interesse. E não, nunca disse que vivemos "apenas" para arranjar companheiro e procriar, e, como tal, não me sinto tocado por essa afirmação. Sinto até pena de quem pensar dessa forma.

      Eliminar
    6. Joana, o meu comentário pode ter-lhe parecido "machista"...mas o seu não engana ninguém, foi claramente "femista". Se você fosse apenas feminista seria capaz de dar-lhe um pouco de atenção, mas confesso que não tenho pachorra nenhuma para as tiradas femistas. Sinto muito mas vai ter que curar esse problema sozinha...

      Eliminar
  8. Não te des tanto a uma só pessoa. Tem sempre vários amigos. E não penses muito nisso, ela quando deixar de estar “drogada” ela volta a procurar te.

    ResponderEliminar
  9. Porque pensas que ela é propriedade exclusiva tua?
    Arranjou namorado, está apaixonada e o tempo livre a maioria vai passá-lo com o seu namorado novo. Nada de anormal...
    A minha melhor amiga não me responde sempre e não a vejo sempre.... não é por isso que não somos amigas...
    Pena ser-se incapaz de compreender isso.

    ResponderEliminar
  10. Eu e a minha melhor amiga afastamo-nos quando comecei a namorar. Não que seja de todo culpa minha até porque não foi so isso que levou ao afastamento. Quando eu podia ela não podia e quando ela podia eu não podia. Mas antes isso já aconteceu mas foi sempre na boa só que agora acontecia porque quando eu não podia era porque ia sair com o meu namorado ou aproveitar para estar com ele porque moramos longe e ela começou a levar a mal...
    Acho que ninguém nos pode julgar por priorizarmos o nosso namorado.
    Nós já moramos as duas durante dois a 400km de distancia e nunca isso foi problema para nos sempre fomos super amigas, trocávamos sms ligávamos... porque é que agora isso não pode existir? Porque estamos na mesma terra somos obrigadas a vernos?
    Eu sei que a culpa também foi e é minha. Mas não a 100%...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As pessoal podem julgar, porque nem deveria ser uma escolha.

      Eliminar
  11. Comigo aconteceu exactamente o contrário, comecei a namorar a minha amiga afastou-se. Segundo ela porque não se sentia à vontade connosco, como sempre saíamos naqueles dias, eu tinha de sair com ele noutros dias. Tendo em conta que moramos longe um do outro,tenho de fazer alguns "sacrifícios", para estarmos juntos. Um deles foi algum do tempo que passava com ela. Se tenho pena, tenho. Mas uma amiga de verdade respeita as nossas escolhas. Assim como eu sempre aceitei as dela. Ter namorado, não significa deixar de ter amigos, temos é que reorganizar as coisas. E tem de haver bom senso das duas partes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O homem que nos ame tambem respeita as nossas escolhas.

      Eliminar
    2. Exactamente, bom senso,por-se no lugar do outro em ambas as partes.Ás vezes um simples telefonema sincero ou um café em conjunto bastam.

      Eliminar
    3. É a mesma situação que eu. Eu moro longe do meu namorado é normal que desde que namoro com ele o meu tempo livre seja para estar com ele. Ou estarei errada? EU namoro com ele e é com ele que penso em ter um futuro se não me dedicar a ele e a nossa relação dedico a quem? As minhas amigas quando começaram a namorar fizeram o mesmo porque é que agora sou julgada?
      Enfim... cada um tem as suas prioridades é certo mas um telefonema sincero como diz o anonimo por vezes tbm ajuda.

      Eliminar