terça-feira, 20 de março de 2018

Segredo.20.17


36 comentários:

  1. Isso é pior que beber.

    Nuno

    ResponderEliminar
  2. Não sei como essa história acabou. Mas tive uma igual...e quando olhava no espelho não me reconhecia, como eu era capaz de estar a fazer aquilo? Como eu perdia os meus valores quando estava com ele? Não aguentei, sentia-me suja e acabei a relação. A surpresa foi quando ele passado 5 meses (de puro sofrimento para mim) me procurou divorciado e me pediu em casamento. Estamos casados e felizes há 22 anos. Tb há finais felizes para essas “asneiras”.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tão bom <3!
      Sejam felizes

      Eliminar
    2. Oh tão cute, tão bom...
      Eu fico é a pensar no trauma daquela mulher que foi deixada, e em poucos os meses viu o ex-marido casado com outra.
      É que ela nem sequer vai pensar que ele já estava com ela antes... Nem lhe vai passar pela cabeça! Coitada.

      Eliminar
    3. Eu só imagino a quantidade de mulheres que ele beijou depois. Ou acreditam mesmo que uma pessoa assim deixa de trair ?

      Eliminar
    4. Sou quem escreveu esta resposta. A mulher dele já sabia, e sim, pensei nela, mas eu não ía fugir a este amor outra vez. Anonimo das 17:47, ele traiu porque se apaixonou por mim. Eu acredito nele porque ele me faz a mulher mais feliz do mundo. E ter tido a coragem de deixar uma mulher que não amava, por outra que amava, só me faz acreditar mais nele. Já não somos novos, mas se um dia acontecer, quero que ele me deixe também e seja sincero como foi com a ex. A ex está feliz tb, porque ela nunca perdeu contacto com a minha sogra e eu vou sabendo dela.

      Eliminar
    5. Também me apaixonei por um homem casado, eu também era casada e sofriamos ambos com os nossos ex.
      Agora estamos casados.
      Não procurei nem forcei nada nem ele.
      E a exdele? Não tenho pena nenhuma, traidora, mentirosa e que delapidou o património antes de eu o conhecer.
      O meu traidor e mentiroso.
      Por isso antes de terem peninha dos outros.... às vezes não são flor que se cheire.
      Conheci-o estava num break com o meu ex e ele já tinha decidido deixá la pois ela estava grávida de outro homem.
      Por isso antes de julgarem...

      Eliminar
    6. Também um dia beijei um homem comprometido, porque o amor que já sentia por ele não me deixou ver mais nada. Quando ganhei consciência do sentido que as coisas podiam levar, afastei-me, de coração despedaçado. Pouco depois, ele deixou a pessoa com quem estava e veio ter comigo. Estamos juntos há 15 anos, casados há 10. Quando se ama, não há filtros, não há capacidade de discernir, como quem está de fora consegue fazer.

      Eliminar
    7. Exacto anónima/o das 10:41! Mas aqui no Shiuuuu só há gente perfeita a quem só acontecem coisas perfeitas. Eu continuo a dizer que estas pessoas q comentam, devem ser todos muito novinhos e ainda não viveram nada.

      Eliminar
    8. Estou a viver neste momento da minha vida uma história destas! A "companheira" dele descobriu e usa todo o tipo de chantagem para que ele não a largue... Tudo o que eu mais queria era que a nossa história tivesse uma final feliz!

      Eliminar
    9. Anónimo(20:26), ouvi bem? disse que está a viver uma história de amor com um homem casado e que espera um dia ter um final feliz com ele? Mas se ele é casado e está a trair a mulher dele consigo, o que lhe dá garantias que ele não venha a traí-la também a si quando você for a mulher dele?
      Quem tem a coragem de trair uma, tem coragem suficiente para trair todas.

      Porquê que toda a mulher acha que consegue mudar o ADN dos homens e que com ela tudo vai ser diferente? E quando é que ela percebe que aquilo que ela chama de história de amor, para o homem, normalmente, não passa de uma história sexual?

      Eliminar
    10. Engraçado falarem, porque vocês são uma minoria. Deram-me bem (por enquanto), ok, isso e bom.
      Mas vocês pertencem (ou não) á fatia pequena daquilo que acontece nestas situações.

      E as pessoas falam pq sabem q são poucos os q largam as mulheres.

      Eliminar
    11. Anónimo(14:41), e com base em que tipo de dados se baseia você para saber se pertencemos ou não a essa dita minoria? Será que tomou por base todas as queixas ouvidas até hoje? Só quem está mal é que se queixa, sabia? Acha que quem "está bem" tem por hábito queixar-se ou dizer sequer que está bem?
      Que garantias tem você de que a maioria das coisas que já leu sobre esta matéria já conseguiu suplantar a maioria das coisas que ainda lhe falta ler?

      Eliminar
  3. és assim, senão não fazias....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não julgue os outros, pois até ao final da sua vida, ainda pode ter muitas surpresas.

      Eliminar
    2. Julgar o quê? Ela fez, é e pronto. Ah sim é a moda de não assumir nada

      Eliminar
  4. Pelos vistos até és...

    ResponderEliminar
  5. Deduzo que não passam a maior parte do tempo aos beijos, como tal, não há desculpas para não fazeres o que é certo.

    ResponderEliminar
  6. sai dessa... falo por experiência própria

    ResponderEliminar
  7. E ele já era casado antes de começar a beijá-la? se a resposta for sim, você já sabia disso? porque se sabia...então é porque sempre foi assim...

    ResponderEliminar
  8. Podia ser o meu segredo...
    Há coisas que não se explicam!
    Lamento muito que todos os que atiram pedras e dizem que quem traí não vale nada e que as mulheres que se "alinham" neste tipo de coisas são tudo e mais alguma coisa, não possam um dia experimentar que isto doi, magoa, mata...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai Dói, mágoa e mata?!
      Olhe que pena!!
      E para aqueles que são traídos, deve achar que é um mar de felicidade... Quem está a chuva molha-se, não se pode queixar de ficar molhado.

      Eu tenho pena é de quem está metido nisso e não sabe! Um dia o azar bate á porta e acorda com um pedido de divórcio (ou não) e fica a saber q foi traído/a durante meses/anos enquanto pensava q nada se passava.

      Mata mata... Então não mata!

      Eliminar
    2. Anónimo(09:19), então para si toda a gente devia experimentar um dia uma coisa que doí, magoa, e mata...?
      E tudo isso com o objectivo de ser mais feliz, suponho...porque é sabido que tudo aquilo que doí, magoa e mata, deixa as pessoas mais felizes...

      Eliminar
    3. Sou o anónimo das 09:19 e senhor pensador moralista o que eu quis dizer é que pode acontecer a qualquer um. Todos somos humanos e estamos debaixo do mesmo céu! Pode acontecer a qualquer um, apaixonar-se, anamorar-se, envolver-se com outra pessoa que, à partida, é impossivel de ser seu, porque é casada, porque é comprometida, porque...
      Se todos os que criticam pudessem sentir que estas coisas, nem sempre resalvo, se fazem por gosto de traição, simplesmente acontecem porque o amor lhes bateu à porta, iam ver que também há um lado mau nestas coisas.
      Falo por mim, claro! Quando estamos juntos tudo é perfeito, mas quando estamos longe... fica a dor, o remorso, a saudade, a frustação... enfim! Só quem vive saberá!!!
      Isto tudo para dizer que a autora tem o meu apoio!

      Eliminar
    4. Anónimo(09:18), a mesma ordem de ideias que já me levou num passado recente a ser o "Pensador Machista" também pode levar-me agora a ser o "Pensador Moralista". Para além de ser poético (Machista/Moralista) é sempre uma forma da gente poder se rir um bocado... :)

      Mas então, pela sua ordem de ideias, o ser humano não tem vontade própria nem pode tomar decisões. Passa uma mulher bonita ao pé de um homem, que, por consequência, faz sobressair uma parte anatómica do seu corpo que me recuso dizer qual, e ele corre logo atrás dela como se fosse escravo de um qualquer instinto animal de atracção. Eu já estou casado há 20 anos. Sabe quantas vezes já me senti atraído por outras mulheres e já fui tentado por muitas delas a ter relações extra-conjugais? Muitas, DEMASIADAS, e ainda hoje continuo a ser sujeito a esse tipo de coisas. Mas sabe quantas vezes cedi aos meus desejos e traí a minha mulher? nenhuma. Nem uma única vez. E sabe porquê? porque o ser humano é um animal mas é um animal racional e não nenhum animal selvagem que não consegue controlar os seus instintos. Somos o que fazemos e não aquilo que sentimos vontade de fazer. E eu optei por ser leal à minha mulher e respeitar o compromisso que assumi com ela.
      Por isso, quando alguém diz que não consegue controlar os seus ímpetos ou a sua vontade, que não passamos de animais a sofrer do cio, para mim essa pessoa devia ser colocada dentro de um zoo.

      Eliminar
    5. Eu já fui traída. E sei que essas coisas.q.fala podem.acontecer a qualquer um.
      Mas não me venha dizer que e incontrolável porque isso é querer fazer os outros de parvos.
      Eu compreendo-a/o mas não tente justificar, porque não há justificacao.

      Eliminar
  9. Fiz igual, foram os tempos mais felizes da minha vida, fazia tudo de novo, se estava certo? Não, mas estávamos tão felizes que não conseguiamos parar. Não julguem!!! todos temos telhados de vidro! E há coisas mal feitas que sabem bem demais para deixar de as fazer.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Todos?!
      Diz isso a si próprio (a)??

      Eliminar
    2. Todos temos telhados de vidro....hahahaha....com que então são essas as desculpas que as pessoas dizem a si próprias quando querem sentir-se melhor depois de fazerem todo o género de asneiras...

      Eliminar
    3. NÃO foi asneira nenhuma. Foram tempos maravilhosos e não me arrependo de nada, a vida de cada um é sua e só a si cabe decidir o que fazer dela.
      Estamos todos feitos, mas não estamos acabados...e nunca podemos dizer nunca, a vida ensina-nos isso!!! Aguarde pela sua vez!

      Eliminar
    4. As pessoas quando colocam aqui segredos não é para serem julgadas!!!! Isto não é um tribunal.

      Eliminar
    5. Anónimo(10:03), a partir do momento que alguém diz que todos temos telhados de vidro, está a tentar julgar-me (mal por sinal) e a querer meter-me no mesmo saco que ela, logo, tenho o direito de recusar ficar lá dentro e discordar dela...

      Eliminar
    6. Anónimo(10:03), a vida é nossa e cada qual decide o que fazer dela, mas a partir do momento em que alguém celebra um compromisso de vida com outro alguém, a nossa vida deixa de ser apenas nossa e passa a incluir também a vida de outra pessoa, e tudo aquilo que fazemos passa a afectar a vida de ambos!

      Nunca devemos abrir uma nova porta sem antes deixar a outra bem fechada...
      É uma questão de decência!

      Eliminar
    7. "E há coisas mal feitas que sabem bem demais para deixar de as fazer."

      Isto é meio de alguém muito evoluído e adulto...

      Eliminar
  10. Acho uma piada aos comentadores habituais do shiuuu, sempre preparados para julgarem e de uma forma muito hostil... sem conhecerem bem os contornos dos segredos... o ser humano, comete erros, ninguém é perfeito!!!

    ResponderEliminar