quinta-feira, 10 de maio de 2018

Segredo.10.14


13 comentários:

  1. Nunca deixes morrer a menina que há em ti.

    Nuno

    ResponderEliminar
  2. Apesar de ter 10 anos a menos do que tu, também sinto que ainda sou uma menina em muita coisa...não sei se alguma vez vou mudar mas acho que isto já faz parte da minha personalidade :)

    ResponderEliminar
  3. Com essa idade devia de estar casada com um ou dois filhos,assim fica para trás.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Carlos, se teve a intenção de parecer machista e fazer as mulheres femistas e feministas espumarem da boca, parabéns porque deve ter conseguido...

      Eliminar
    2. Devia estar casada? Quem diz isso? É obrigatório chegar aos 35 anos casada e com dois filhos? E o que é que isso tem a ver com o que foi dito no segredo?

      Eliminar
    3. Que mentalidade.... talvez até já seja avó, e não o disse.

      Eliminar
    4. Esteja calado. Sabe lá se ela quer casar, ou se pode ter filhos.

      Eliminar
    5. Não há nada no segredo que diga que ela não é casada e sem filhos.

      Eliminar
    6. Que comentário triste, até parece que é obrigatório ter filhos com uma certa idade. -.-

      E Francisco não é preciso ser femininsta para ficar revoltada com este comentário, qualquer mulher ficaria.

      Eliminar
  4. Tenho 33 e sinto o mesmo. E sabes que mais? Adoro ser assim!

    ResponderEliminar
  5. Não deixe de ser assim. Faz parte de si, da sua identidade e personalidade. Pode até ter maturidade em outras facetas da sua vida, que nem se dê conta. Acho adorável que seja assim...

    :)

    RE

    ResponderEliminar
  6. Se essa dita imaturidade não a prejudica na vida diária, não vejo qual seja o problema de se sentir "uma criança" por dentro. Acho que até pode ser um bom sinal, manter a ingenuidade e a genuinidade perante as coisas da vida. A idade não precisa de ditar nada.

    Tenho 25 anos e também me sinto uma menina em muitas coisas, nomeadamente na minha persistência em ver o lado positivo da vida, em dar atenção às pequenas coisas, em sonhar muito... Sempre fui muito madura para a idade, mas isso não quer dizer que não tenha permanecido o lado doce de uma criança feliz :)

    ResponderEliminar