segunda-feira, 21 de maio de 2018

Segredo.21.14


13 comentários:

  1. E tu sabes isso tudo acerca dele?
    Se te sentes amada , é isso que importa. Eu namoro há 12 anos e ainda há coisas que.nao me lembro logo de cara acerca do meu namorado.
    E não é por não gostar dele, é porque sou distraída mesmo xD

    ResponderEliminar
  2. Estou casada há 12 anos e o meu marido pouco sabe também dessas coisas. Homens em geral não percebem essas coisas, viu? Mas se ele te faz bem e feliz - esquece essas coisinhas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Alguma coisa tem se saber né? se não parece estranhos.

      Eliminar
  3. Muito tempo,alguma coisa já devia saber.

    ResponderEliminar
  4. Acho esse segredo um pouco exagerado. 5 anos é muito tempo e alguma coisa ele deve saber. A menos que seja muito tapadinho. Mas os homens no geral tal como disse o Anónimo das 16h58 não ligam a essas coisas.
    Eu namoro há muito menos tempo que tu mas ás vezes achava que o meu namorado também não sabia nada sobre mim… e sabe mais do que aquilo que penso ;) já tive provas disso. Mas não que ele me tenha dito diretamente. Há que saber ler nas entrelinhas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, 5 anos é bastante. Se pouco sabe é porque não quer.
      Ter que ler nas entrelinhas constantemente para sentir que gostam de nós, deve ser frustrante e cansativo.

      Eliminar
    2. Concordo consigo. Expressei-me mal. Eu não leio sempre nas entrelinhas claro que o meu namorado me demonstra também que me conhece.
      Apenas o que achei foi que a autora esta a exagerar… porque estando com uma pessoa pessoalmente nós conhecemos sempre algo dela. Digo eu…
      A menos que ele não esteja mesmo nada atento e isso deve ser mau sinal…
      Quando disse saber ler nas entrelinhas. Foi do género: Ele não chega ao pe de mim do nada e me diz eu sei que não gostas disto ou daquilo ou que preferes isto ou aquilo.
      Mas quando vamos sair ele diz-me vamos ali sei que gostas… ou vice versa.

      Eliminar
    3. Se só se sentem amados quando a pessoa sabe as vossas peculiaridades, também deve ser cansativo.
      As ações e o carinho não contam?

      Eliminar
    4. Percebi Trevo. Concordo com o que diz. Fui demasiado sucinta.
      Sim, "Anónimo 22 de maio de 2018 às 22:05", claro que contam. Mas, neste caso, creio que a relação da autora também carece delas ou não daria tanta importância ao facto do parceiro não ligar às suas peculiaridades. É um palpite.

      Eliminar
  5. Pode ser por desleixo, pode ser por não querer saber...e pode ser por ambas as razões.. :)

    Agora mais a sério, sabe se ele gosta de si? se a ama e seria capaz de fazer tudo por si? de ficar do seu lado e lutar contra tudo e contra todos e contra o mundo se for preciso? é que nos dias de hoje isso já parece ser coisa pouca, porque o importante é a imagem que se transmite no Instagram e no facebook, mas garanto-lhe que continua a ser o mais importante!

    ResponderEliminar
  6. Não tenho dúvidas do amor do meu pai por mim, mas ele também não sabe nada dessas particularidades sobre mim. Vivemos na mesma casa 25 anos e ele não sabe as comidas que eu gosto e que não suporto, as coisas que eu não gosto, no geral, estes pequenos pormenores. Não sabe porque simplesmente não repara nessas coisas. Não está atento.

    Já o meu namorado sabe, acho eu, tudo sobre mim. Está atento, sabe o que me chateia, o que eu adoro... As pequenas coisas do dia a dia. Mas também se lhe forem perguntar que nr eu calço, que tamanho visto, cor preferida, filme preferido, livro preferido, aposto que não acerta à primeira. Nem eu sei de cor essas coisas sobre ele. São coisas que mudam e mesmo eu dou respostas diferentes a essas perguntas, conforme for o estado de espírito :p

    Compreendo que sinta que há desinteresse da parte dele, tal como eu achei sempre que era desinteresse do meu pai e isso magoa. Só que depois percebi que isso não interessa nada. São coisas da personalidade dele, ele não repara nas coisas, é distraído, vive lá no mundinho dele e esses pormenores não fazem diferença na forma dele gostar dos outros. Com o namorado da autora pode ser igual. Mas se isso incomoda, é uma questão de conversarem sobre o assunto!

    ResponderEliminar