quarta-feira, 6 de junho de 2018

Segredo.06.15


6 comentários:

  1. Em que é que ele mentiu?!
    Acho que dependendo da situação, pode ser bastante compreensível aquilo que te está a acontecer.

    ResponderEliminar
  2. infelizmente mentir torna-se um hábito... foi devido a tanta mentira acumulada que acabei por me divorciar...

    ResponderEliminar
  3. Depende do tipo de mentira que esteve em causa...
    Mentir é sempre mau, mas há situações em que, de tanto querermos proteger alguém que amamos, por sabermos que a verdade poderá magoá-la imenso, acabamos por mentir muitas vezes contra a nossa própria vontade. Antes de julgar a mentira, o mais importante será julgar a intenção...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma mentira é uma mentira. Ponto. E como diz o povo, de boas intenções está o inferno cheio. Neste caso, por muito boa que tivesse sido, está aí o resultado...

      Eliminar
    2. Anónimo(00:55), mas o resultado pode ter sido criado por vontade dela e não forçosamente por uma obra dele. Ao longo da vida mentimos muitas vezes e nem todas as mentiras são negativas ou só servem para destruir ou enganar alguém. Muitas vezes podemos ter que mentir para ajudar ou salvar as pessoas que gostamos, e não há "Deus" nenhum que possa condenar isso...

      Eliminar
  4. É normal perdeste a confiança.

    ResponderEliminar